O Atlético-MG visita a Chapecoense neste domingo, às 18h30, na Arena Condá, em Chapecó, com o objetivo de retomar a liderança do Campeonato Brasileiro. O time mineiro deixou a ponta na última rodada após perder para o Grêmio – o Corinthians derrotou o Sport e assumiu a posição.

A diferença entre o Atlético e o rival paulista é de um ponto (36 a 37). E para terminar o primeiro turno na primeira colocação, o técnico Levir Culpi terá de superar alguns problemas. O meia Giovanni Augusto está com uma lesão na coxa direita e foi vetado da partida.

A tendência é a de que o treinador mantenha Guilherme entre os titulares, mas o jogador não fez uma boa apresentação na derrota para o Grêmio. Com isso, Dodô também tem chances de começar em campo no domingo.

Outra ausência é a do lateral-esquerdo Douglas Santos, que recebeu o terceiro cartão amarelo e terá de cumprir suspensão. Pedro Botelho deve ser o substituto e pode também conquistar a posição nas próximas rodadas, já que o titular foi convocado para a seleção brasileira e desfalcará o Atlético-MG em cinco partidas.

“O Douglas é um dos laterais mais regulares do Brasileiro. Foi convocado por méritos. Vai ficar alguns jogos fora. Temos o Botelho. Temos também uma situação a ser resolvida nesta semana sobre o Patric (que pode ser negociado). E temos o Carlos César, que pode atuar na esquerda. Não estamos desesperados com isso”, comentou o treinador.