O Atlético encerrou sua participação no primeiro turno do Brasileirão jogando, na noite neste domingo (16), contra a equipe do Barueri. A partida marcou a estreia do técnico Antônio Lopes no comando do Furacão dentro da Arena da Baixada.

Lopes escalou o time atleticano no esquema 3-5-2 mantendo Nei na zaga e com a entrada de Neto no lugar de Galatto na meta. No ataque, Patrick saiu para a entrada de Zulu.

O primeiro tempo do Atlético foi impecável. Bem distribuído em campo, acionando as laterais, tanto Wesley pela direita quanto Márcio Azevedo pela esquerda e contando com mais uma atuação de gala de Paulo Baier, que comandou as ações no meio-campo, o Furacão sufocou o Barueri, que se limitava a parar o ataque atleticano na base das faltas.

E foi numa jogada pela esquerda, aos 20 minutos de jogo, que Márcio Azevedo fez o cruzamento na área, Zulu não alcançou e a bola se ofereceu para Paulo Baier que, com tranquilidade, bateu na saída do goleiro René para abrir o placar na Arena.

Longe de se contentar com o placar, o Atlético manteve a postura ofensiva e por duas vezes obrigou o goleiro René a operar grandes defesas para salvar o Barueri. Mas, aos 35 minutos, numa cobrança de falta na entrada da grande área, Paulo Baier mandou na gaveta de René, que ainda tocou na bola, mas não evitou o gol. Intervalo de jogo e o Atlético vencia fácil por 2 a 0.

Disposto a não ser surpreendido dentro de casa, o Atlético começou o segundo tempo com a mesma disposição apresentada na etapa inicial e o terceiro gol não demorou a acontecer. Lindo lançamento de Wesley para Paulo Baier que entrou na área e foi derrubado pelo goleiro René.

O árbitro marcou o pênalti e expulsou René. Na cobrança, Marcinho bateu rasteiro deslocando o goleiro Márcio. O gol, marcado aos 15 minutos, liquidou a fatura na Arena, mas não diminuiu o ímpeto do time atleticano que continuou pressionando e teve oportunidade de marcar, ao menos, mais duas vezes.

Final de jogo e 3 a 0 no placar com muita festa na Arena já que o Atlético estava devendo uma atuação convincente dentro de casa para o seu torcedor. Foi a quarta vitória consecutiva da equipe no Brasileirão que, desde que o técnico Antônio Lopes assumiu, ainda não sofreu gols.

Na próxima rodada, abertura do segundo turno, o Atlético enfrenta o Vitória, no Barradão, quarta-feira. Já o Barueri encara o Sport, também na quarta-feira, em Barueri.