A derrota para o Vasco por 3 a 1 no último sábado expos um fato que marca a péssima campanha que o Atlético vem fazendo no Campeonato Brasileiro. Em todos os jogos disputados até agora a equipe rubro-negra sofreu gols. Isso deixa o Furacão com a pior defesa entre os 20 clubes da Série A: 20 gols em nove partidas (média de 2,2 por jogo).

Além disso, em três oportunidades o Furacão saiu de campo goleado: 3 a 1 para o Atlético-MG, 4 a 1 para o Internacional e o 3 a 1 para o Vasco. O ataque, por outro lado, não tem dado tanto vexame quanto a defesa. Em nove partidas, foram 11 gols marcados, média de 1,2 por jogo. Este valor é semelhante ao de equipes que estão no topo da tabela, como Flamengo (4º colocado) e Cruzeiro (5º).

Se não bastasse isso, o Atlético ainda tem a pior campanha como visitante. Foram cinco jogos longe de Curitiba e cinco derrotas. Nem mesmo a Arena da Baixada, tido como caldeirão rubro-negro, tem passado ileso ao mau rendimento do time. Em quatro partidas em casa, são duas vitórias, um empate e uma derrota (aproveitamento de 58,3%).

E ainda tem mais. O Furacão é a equipe mais indisciplinada de toda a Série A. Até aqui foram 25 cartões, sendo 18 amarelos e sete vermelhos, o que dá uma média de quase um jogador expulso por partida. Além de uma média de um atleta suspenso por 3 amarelos a cada duas rodadas.

Treino

Números à parte, o Furacão retorna hoje aos treinamentos no CT do Caju, visando o jogo de quarta-feira, contra o Santos, na Arena da Baixada. Para este confronto, muitos jogadores desfalcam a equipe: Eli Sabiá, Chico e Manoel estão suspensos.