Mesmo sem uma atuação brilhante, o Furacão bateu o bom time do Engenheiro Beltrão, em partida realizada nesta quarta-feira à noite (16), por 1 a 0, na Arena da Baixada, e conquistou a ponta na tabela de classificação do Paranaense.

Na primeira etapa, com os jogadores de criação pouco inspirados, o Atlético não encontrava espaços para suplantar o sistema defensivo da equipe do interior do Estado, que tocava bem a bola e ameaçava a meta defendida pelo goleiro Vinícius.

Porém, mais uma vez, a zaga atleticana resolveu a partida. Após uma falta cobrada por Netinho, aos 39 minutos, Antonio Carlos meteu a cabeça na bola, e mandou para o fundo das redes do Beltrão.

A vitória parcial não fez com que a produção ofensiva do time rubro-negro melhorasse na segunda etapa. Ao contrário, o time do Engenheiro Beltrão manteve o bom toque de bola e seguiu ameaçando a meta atleticana.

Na tentativa de melhorar o rendimento da equipe no meio-campo, o técnico Ney Franco lançou mão de Alan Bahia e Geílson sacando Antonio Carlos e Netinho, mas o time atleticano não se acertava. Aos 31 minutos, Ney Franco fez sua última substituição, sacando Ferreira para a entrada de Evandro.

Após a saída do colombiano, o Atlético se limitou a jogar no contra-ataque, deixando o tempo passar, segurando o ímpeto do Beltrão que partiu para o tudo ou nada, até o apito final do árbitro.

Foi a terceira vitória do Furacão no Estadual, que mantém 100% de aproveitamento, e agora se prepara para o clássico contra o Coritiba, domingo, às 18 horas, no Couto Pereira.