O Atlético fez, no empate em 1×1 diante do Ceará, na noite desta quinta-feira (15), na Arena Castelão em Fortaleza, apenas o seu quarto jogo oficial na temporada. Por isso mesmo o time sentiu a falta de ritmo de jogo e quase colocou em risco a sua classificação para a quarta fase da Copa do Brasil. O Furacão garantiu a vaga nas penalidades e os jogadores, aliviados, sabem que é preciso melhorar muito para a sequência da temporada.

SAIBA MAIS: Atlético se classifica na Copa do Brasil com suor e sofrimento

“Foi um jogo muito difícil aqui no Castelão. Sentimos um pouco o calor, a falta de ritmo de jogo. Começamos bem, depois não conseguimos suportar. Tivemos algumas lesões, tivemos que improvisar e corrigir no jogo. Não tivemos forças para agredir o Ceará e conseguir o gol. A classificação é importante, a gente garante mais duas partidas e agora é trabalhar para melhorar, para apresentar um futebol melhor na sequência da temporada”, disse o zagueiro Paulo André.

Brilhou novamente a estrela do goleiro Santos, que defendeu uma cobrança e foi fundamental no sucesso do Furacão na partida diante do Vozão. O arqueiro exaltou a disposição do time mesmo diante das dificuldades físicas encontradas durante a partida.

“O clima aqui é muito abafado. A gente está acostumado com nosso clima em Curitiba que é mais fresco. Nos adaptamos bem, mas o calor é muito grande. Os nossos jogadores saíram exaustos porque deram o máximo em campo. Todos deixaram tudo em campo e felizmente levamos a classificação para Curitiba”, vibrou o goleiro atleticano.

LEIA MAIS: Revelação do Atlético pode parar de jogar com apenas 24 anos

Santos, aos poucos, vai fazendo o torcedor do Atlético esquecer Weverton, que deixou o clube no final do ano passado. Sempre eficiente, o arqueiro rubro-negro comemorou a sequência no time titular do Furacão e comemorou a classificação suada diante do Ceará, fora de casa.

“É importante. A gente se sente cada vez mais importante para o grupo, com a importância devida. Consegui fazer o meu melhor. Sabemos que o nosso dia a dia é muito forte, o (Fernando) Diniz cobra muito. É fruto do nosso dia a dia. A gente sabia que seria um jogo difícil e conseguimos essa classificação”, finalizou Santos.

Confira a tabela e a classificação do Campeonato Paranaense!

O Atlético agora aguarda o sorteio na CBF para saber quem será seu adversário na quarta fase da Copa do Brasil. O time principal seguirá trabalhando e já entra também na reta decisiva de preparação para a disputa do Campeonato Brasileiro, que começa no dia 15 de abril.