Um levantamento divulgado na última quinta-feira (4) pela Soccerex, organização mundial que estuda, analisa e administra questões relacionadas ao futebol, classificou o Atlético como o time brasileiro com maior poder financeiro. Apesar de figurar apenas na 61ª colocação, o Furacão destaca-se na frente de outras equipes, que, na teoria, arrecadam mais que o Rubro-Negro, no país. Internacional (63º), Corinthians (71º), São Paulo (84º), Cruzeiro (85º), Palmeiras (87º), Fluminense (92º), Flamengo (94º), Grêmio (95º), Atlético-MG (96º) e Santos (98º) são os outros brasileiros na seleta lista.

O estudo, Intitulado como Soccerex Football Finance 100, ranqueou 100 times de todo o mundo utilizando como base cinco quesitos: ativos fixos, valor de mercado da força de trabalho (atletas), dinheiro no banco, dívida líquida e investimentos potenciais de cada clube.

O primeiro lugar ficou com o inglês Manchester City. Completaram o pódio o Arsenal, também da Inglaterra, e o Paris Saint-Germain, da França. Destaque para os clubes do Campeonato Inglês, que dominaram as dez primeiras colocações da lista (Tottenham, em quinto, Manchester United, em sétimo, e Chelsea, em nono).

“O domínio dos clubes do Reino Unido no topo do ranking não deve ser uma surpresa, devido à presença de proprietários ricos e alguns cofres que foram aumentados por grandes negócios de televisão”, explica a Soccerex.

Grande surpresa no ranking, o chinês Guangzhou Evergrande figurou na quarta colocação por conta do potencial investidor do dono do clube, estimado em mais de 1,1 bilhão de euros (mais de R$ 4 bilhões), o maior do ranking. Fecham o top 10 o Real Madrid, da Espanha, em sexto, Juventus, da Itália, em oitavo, e Bayern de Munique, da Alemanha, em décimo.

A equipe responsável pela organização da pesquisa, explica que “o ranking é um reflexo do profissionalismo do clube e de um sólido modelo de negócios”.
Vale destacar que o Atlético ficou à frente de times conhecidos no cenário mundial, como a Lazio (62º), da Itália, Benfica (64º), de Portugal, e Boca Juniors (76º), da Argentina.

A organização da Soccerex destaca que é preciso considerar vários elementos para se concluir que um time realmente tem potencial financeiro.

“O futebol é um jogo de surpresas, como nosso relatório claramente mostra. Pergunte a qualquer um sobre qual o clube que tem posição financeira mais forte e provavelmente a resposta será o Real Madrid, o Barcelona ou o Manchester United. Mas há mais de uma maneira de determinar quem realmente tem o maior potencial financeiro e é igualmente importante considerar os fatores que estão moldando o futebol global”, conclui o estudo.

Confira os melhores colocados do ranking:

1 – Manchester City (Inglaterra)
2 – Arsenal (Inglaterra)
3 – Paris Saint-Germain (França)
4 – Guangzhou Evergrande (China)
5 – Tottenham (Inglaterra)
6 – Real Madrid (Espanha)
7 – Manchester United (Inglaterra)
8 – Juventus (Itália)
9 – Chelsea (Inglaterra)
10 – Bayern de Munique (Alemanha)
11 – Zenit (Rússia)
12 – RB Leipzig (Alemanha)
13 – Barcelona (Espanha)
14 – Los Angeles Galaxy (EUA)
15 – Atlético de Madri (Espanha)
61 – Atlético
63 – Internacional
71 – Corinthians
84 – São Paulo
85 – Cruzeiro
87 – Palmeiras
92 – Fluminense
95 – Grêmio
96 – Atlético-MG
98 – Santos