O técnico Fernando Diniz deixou claro que está aberto a modificações no Atlético para a partida desta noite, contra o Newell’s Old Boys, às 19h15, em Rosário, na Argentina. Porém, o treinador não divulgou o que pretende fazer para o duelo. Certo mesmo é que o Rubro-Negro sofrerá uma enorme pressão das arquibancadas do Estádio Marcelo Bielsa.

Nos últimos jogos, a média de público do clube girou entre 25 mil e 30 mil torcedores. Mesmo com a vantagem de três gols conquistada no primeiro jogo, o Atlético espera segurar o time e a torcida argentina em Rosário. “Acho que eles vão sair com tudo no começo para buscar o primeiro gol. Vamos fazer nosso jogo, esquecendo a vantagem e pensando em ganhar. Sabemos que o torcedor vai fazer pressão e cantar muito. Será uma partida bonita para jogar”, disse o chileno Esteban Pavez, que deverá iniciar o jogo entre os titulares.

O volante, que tem atuado como zagueiro sob o comando de Fernando Diniz, ressalta que o estilo de jogo do Atlético será o mesmo, priorizando a posse de bola e tendo inteligência pra administrar a vantagem conquistada no primeiro confronto.

“Vamos manter o nosso jogo, porque assim temos mais possibilidades de ganhar do que de perder”, concluiu.