Atlético confirmou ontem que o atacante Bergson é o novo reforço do clube. As negociações já vinham desde a semana passada, mas nesta terça-feira (12) o pai e empresário do jogador, Efraim Mendonça, confirmou à Tribuna que ele e o atleta já estavam em Curitiba e foram ao CT do Caju para definir os últimos detalhes do contrato e realizar os exames médicos. A confirmação do Furacão veio no final do dia, através do site oficial.

“Será mais uma oportunidade de crescer, evoluindo como pessoa e jogador. Depois de tudo que vi aqui, fiquei impressionado e bastante satisfeito. Eu me vejo em crescimento e em um momento bom para estar em um clube como o Atlético, que abre as portas e dá oportunidade para quem merece. Fico feliz pelo fato do Atlético ter me procurado”, disse Bergson, em sua primeira entrevista como jogador do Rubro-Negro.

Artilheiro da Série B de 2017 com 16 gols, o jogador marcou na temporada 28 gols em 47 jogos. Aos 26 anos, Bergson foi revelado no Grêmio e passou por Juventude, Portuguesa, Chapecoense, Náutico e Paysandu, além de ter atuado no Suwon Bluewings e Busan IPark, da Coreia do Sul, e Braga B, de Portugal. Ele chegou a ser procurado por Botafogo e Vasco, mas acabou dando preferência à oferta do Furacão.

Assim, o atleta é o primeiro reforço do Rubro-Negro para o ataque, setor mais alvo de críticas na temporada, pelos poucos gols marcados e pelo fato de ninguém ter se firmado na posição. Antes dele, o Atlético já havia contratado o lateral-direito Diego Ferreira e o lateral-esquerdo Thiago Carleto.