Não vai ser do jeito que a torcida gostou. Os dois protótipos do que seriam as novas camisas do Atlético circularam muito pelas redes sociais. No estilo retrô, os modelos 1 e 2 apresentam como grande novidade o retorno das letras CAP fora do escudo, assim como o clube utilizava até 1997, quando adotou o logotipo atual. No entanto, para frustração de muitos torcedores, clube e fabricante negaram que esses sejam os novos modelos.

O Furacão se limitou a responder a três torcedores que indagaram sobre a veracidade das imagens. Já a Umbro, por intermédio de sua assessoria de imprensa, deu mais detalhes que comprovam a falsidade da informação. O lançamento oficial deve ocorrer entre maio e junho, seguindo um cronograma nacional para outros clubes parceiros da fornecedora.

A fornecedora de material esportivo explicou, por exemplo, que não usa mais a frase “Tailored by Umbro” em seus uniformes desde o ano passado. Além disso, o tipo de gola não é usado em nenhum modelo da empresa e modelo das imagens seria “simples demais” perto da grandiosidade do clube.

Muitos torcedores mostraram empolgação com os novos modelos, especialmente a de número 1. O símbolo antigo foi o mais festejado. Alguns são favoráveis ao movimento pelo “CAP solto” e inclusive votaram em massa na enquete que escolheu a nova plotagem do ônibus atleticano, com o destaque para o símbolo antigo.

Os modelos divulgados estão vinculados a uma empresa que produz materiais esportivos sediada em Santa Catarina. No perfil, o dono se diz colecionador e que comercializa uniformes de várias equipes.

Critério! Leia mais do Atlético na coluna do Mafuz!