O atacante Crysan mal teve tempo de vestir a camisa do Atlético desde que retornou ao clube. Depois de voltar a treinar no Furacão, na intertemporada durante a Copa do Mundo, o jogador atuou apenas por 19 minutos na goleada por 4×0 sobre o Vitória, pelo Campeonato Brasileiro, e agora já arrumou novamente as malas para ser emprestado para o Al-Batin, da primeira divisão da Arábia Saudita por um ano.

Para se transferir, Crysan acabou prorrogando seu contrato com o Rubro-Negro, que ia até dezembro de 2019 e agora vale até junho de 2020. Com isso, ele pertencerá ao clube por pelo menos sete anos.

O atleta chegou ao Atlético em 2013, ainda na categoria de base, depois de defender o Grêmio Prudente e se destacar no time do interior paulista. Não demorou muito para que ele ganhasse espaço no Furacão. Em 2014, no Campeonato Brasileiro sub-20, ele foi o artilheiro da competição, com cinco gols marcados.

Em 2015, fez sua estreia no time profissional, no Campeonato Paranaense. No entanto, começou a perder espaço, sendo pouco aproveitado, e em 2017 foi por empréstimo ao Oeste-SP. No início de 2018 defendeu a camisa do Cercle Brugge, da segunda divisão da Bélgica. O time foi campeão da divisão de acesso e o treinador era Frank Vercauteren, que hoje comanda justamente o time árabe que Crysan irá atuar.

Confira a classificação completa do Brasileirão

Atualmente, o técnico Tiago Nunes conta no ataque, com Anderson Plata, Bergson, Marcelo Cirino, Marcinho e Pablo. A fortre concorrência pesou para a saída de Crysan, que vinha tendo pouco espaço.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!