Nos últimos seis jogos no Campeonato Brasileiro, o Atlético sofreu nove gols e em todos saiu atrás no placar. Porém, talvez o grande problema não seja a defesa, mas sim o ataque. Neste mesmo período, o Furacão balançou as redes dos adversários apenas seis vezes, só que criou diversas oportunidades que não foram aproveitadas.

Para o técnico Fabiano Soares, o Furacão vem jogando bem, mas vem desperdiçando muitas chances de matar o confronto. No empate em 2×2 com o Atlético-GO, na última quarta-feira (11), o Rubro-Negro teve várias chances de marcar, inclusive de abrir o placar em um pênalti, que Felipe Gedoz acabou desperdiçando. Situações que já aconteceram em outras oportunidades. O treinador acredita que falta um pouco mais de atenção na hora de finalizar.

“A equipe cria, cria, cria. Talvez seja uma das equipes que mais cria oportunidades de gol, com bola na trave, pênaltis falhados, o goleiro sendo o melhor do adversário. E com a defesa organizada, temos levado gols. Falta um pouco mais de atenção para evitar os gols do contrário, que estão levando pontos sem fazer muita coisa. São coisas que se podem corrigir, mas o importante é que o time está jogando bem, criando chances e quando se joga bem se está mais próximo de ganhar do que perder”, apontou o comandante atleticano.

Mesmo assim, Fabiano Soares não se preocupa tanto com os erros de conclusão a gol pelo fato de que o Atlético segue criando mais oportunidades que os adversários e que é questão de tempo para as coisas se acertarem.

Confira a classificação completa do Brasileirão!

“Às vezes o goleiro está acertado ou quiça em algum momento não estamos tão frescos ou tranquilos para fazer o gol e cometemos o erro de não ter tranquilidade na hora de definir para o gol. São coisas que não me preocupam. O importante é criar e um dia a a bola vai entrar e a equipe vai conseguir a vitória”, completou ele.