A temporada 2017, enfim, começará no campo para o Atlético. Depois de 30 dias de férias, os jogadores se reapresentam nesta quinta-feira (12) pela manhã no CT do Caju, onde iniciam a preparação para uma temporada que será repleta de campeonatos e jogos. O primeiro desafio oficial será já no dia 29, na estreia no Campeonato Paranaense, contra o Rio Branco, em Paranaguá. No entanto, o duelo mais importante acontecerá três dias depois, contra o Millionarios, da Colômbia, na Arena da Baixada, pelo jogo de ida da segunda fase da Libertadores.

Até por isso, a pré-temporada foi toda preparada para que nestes 17 dias até a primeira vez que a equipe entre em campo os atletas estejam na melhor forma física possível. Alguns, até anteciparam o final das férias e já estão treinando no CT. Casos dos goleiros Weverton e Santos, do volante Deivid e do lateral-direito Jonathan, um dos contratados para 2017.

E esta volta aos treinamentos promete ser movimentada. Isto porque o número de jogadores que se reapresentarão deve ser alto. Em relação a 2016, apenas o volante Hernani, vendido ao Zenit, da Rússia, por R$ 28 milhões, o meia Lucas Fernandes e o atacante Luan, que estavam emprestados, foram embora. Além deles, o zagueiro Thiago Heleno e o lateral-direito Léo, que ainda não acertaram o futuro com o Rubro-Negro, e o meia Luciano Cabral, detido na Argentina, não vão se apresentar.

Por outro lado, a lista de reforços é maior. Até aqui, o clube já confirmou as chegadas de Jonathan, do meia Felipe Gedoz e dos atacantes Luis Henrique e Grafite. Sem contar o meia Carlos Alberto, que deve ser confirmado nesta quinta-feira (12).

Em meio a tantos atletas, de perfis e idades diferentes – enquanto alguns reforços já são mais experientes, muitos remanescentes são oriundos das categorias de base -, a pré-temporada deve ser específica para cada um, com o objetivo de não sobrecarregar alguns ou poupar outros.

O Atlético planeja utilizar 16 dias entre atividades físicas, técnicas e táticas. Além disso, está marcado para o dia 25 um amistoso com o Danúbio, do Uruguai, na Arena da Baixada. Deve ser o único teste antes do pontapé inicial no Estadual.