O atacante Pablo, do Atlético, vive uma grande fase dentro de campo, talvez a melhor de toda sua carreira. Com 16 gols marcados na temporada, sendo 12 deles somente no Campeonato Brasileiro, o jogador tem se mostrado cada vez mais decisivo para o Rubro-Negro. Na última semana, por exemplo, ele foi determinante em duas oportunidades. Primeiro, marcou o gol que deixou o Furacão na frente, na decisão com o Bahia pela vaga na semifinal da Sul-Americana. O jogo aconteceu na quarta-feira (24) e terminou em 1×0. Para completar, no sábado (27), o craque decretou a vitória do time diante do Botafogo, por 2×1, pelo Brasileirão.

O técnico Tiago Nunes, sabendo da importância do artilheiro para o elenco, destacou a fase positiva do jogador. “A fase dele é especial e está fazendo a diferença, pelos gols, pela produção. Ele é merecedor por tudo que está passando na carreira, pelo quanto ele já se doou coletivamente”, falou o treinador, que também frisou o trabalho que vem sendo feito no time como um todo.

+ Leia mais: Torcida Os Fanáticos pede a liberação da festa na Arena da Baixada

“Ele também está recebendo a bola, está sendo acionado, tem toda uma estrutura coletiva para ajudá-lo neste momento. É preciso destacar todos”, ressaltou.

Pablo é o vice-artilheiro do Brasileirão, ficando apenas atrás de Gabriel, do Santos, com 16 gols. Com oito jogos pela frente na competição, o jogador reforça que não pensa em alcançar a liderança.

“Eu já falei que não penso em artilharia, e sim que a equipe tem que vencer jogando bem. Jogamos muito bem e temos que parabenizar todos os jogadores que começaram o jogo. São jogadores que estão jogando menos, mas trabalham, se dedicam e mostram que o grupo é muito forte”, destacou o atleta, fazendo questão de destacar o bom trabalho dos companheiros.

+ Confira também: Arena da Baixada recebe o VAR pela primeira vez 

Revelado no Furacão, Pablo teve altos e baixos em sua carreira. No ano passado, o jogador enfrentou problemas pessoais e chegou a se afastar dos gramados por um período para cuidar da saúde do pai. Agora, o atleta está feliz em ter a chance de voltar a mostrar o seu futebol.

‘Cria‘ do Atlético, ele começou a carreira nas categorias de base do clube e estreou como profissional em 2011. Em 2013, defendeu o Figueirense e devido ao bom desempenho, foi para a Espanha jogar no Real Madrid B. O jogador também teve passagem pelo Cerezo Osaka, do Japão. Pablo voltou ao Furacão em janeiro de 2016 e soma 138 jogos com a camisa atleticana somando todas suas participações no time.

+ Veja a tabela e a classificação do Brasileirão!

Devido ao seu excelente desempenho neste ano, Pablo está sendo sondado por outras equipes, incluindo o Palmeiras. Porém, com contrato até abril de 2021, o clube ainda vai estudar se mantém o jogador para as próximas temporadas ou negociará o atleta.

Em meio a essa indefinição, o atacante está focando em fazer o melhor pelo Atlético.

“Vou trabalhar ainda mais para continuar nesse ritmo e seguir ajudando meus companheiros”, finalizou Pablo.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!