A derrota do Atlético para o Palmeiras na noite de ontem quebrou um sequência de sete jogos que o time mantinha sem perder no Campeonato Brasileiro, nove ao total na temporada, incluindo dois jogos válidos pela Sul-Americana. O Furacão segue sem ter conseguido um placar positivo longe da Arena da Baixada no Brasileirão. Ainda assim, o elenco atleticano acredita que o time pode surpreender ao longo da competição.

Segundo o atacante Pablo, o elenco atleticano tinha conhecimento do que enfrentaria no duelo contra o time paulista.

“Sabíamos que seria difícil jogar aqui. O Palmeiras é uma equipe competitiva. Erramos em dar o contra-ataque e perdemos o jogo”, comentou o atleta.

+ Leia também na Tribuna: Furacão cai de produção contra o Palmeiras

Um dos pontos fracos da equipe durante o confronto foi a queda de rendimento do time da primeira para a segunda etapa do jogo, como explicou o goleiro Santos. “Fizemos um bom primeiro tempo, mas no segundo o time deixou de jogar, começamos a dar chutões de qualquer jeito e pecamos por isso”, disse o arqueiro.

Confira a classificação do Brasileirão

Santos foi o responsável direto pelo segundo gol dos donos da casa e assumiu o erro que teve na noite pouco inspirada do elenco rubro-negro.

“Willian foi mais rápido do que eu. Ele conseguiu se antecipar e não teve como pará-lo. Eu acredito que foi pênalti sim, mas vida que segue”, detalhou o dono da meta atleticana, que acredita que o time ainda pode ganhar muitas posições na tabela até o final do Brasileirão.

“Estamos trabalhando bem. Sabíamos que era jogo importante para dar sequência aos nossos resultados, mas devido ao bom desempenho que o time vem apresentando, temos muito que crescer na competição”, finalizou.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!