O presidente do Conselho Deliberativo do Atlético, Mario Celso Petraglia, mais uma vez se mostrou favorável a clássicos com torcida única. No último domingo (3) via twitter, o dirigente reclamou das brigas entre torcidas organizadas e se pronunciou após a morte de uma pessoa no confronto entre facções de Corinthians e Palmeiras.

“Quantas mortes ainda teremos de aceitar enquanto as autoridades responsáveis não se convencerem que a solução só teremos com ‘torcida única’”, indagou Petraglia, indo mais além.

“Dentro, fora e perto dos estádios temos policiamento. Como policiar a cidade toda com estes loucos soltos por todos os cantos? Só proibindo! ”, apostou.
Para Petraglia, o sentido de torcida única é maior do que apenas restringir o acesso aos estádios. “Por fanatismo e paixão de idiotas torcedores que a violência só aumenta! É só proibirem a saída da torcida visitante com camisas nas ruas!”.

O dirigente rubro-negro ainda encerrou lembrando das dificuldades dos problemas da violência. “Coitados dos incautos e ignorantes que nada sabem sobre a vida. Dizer o que sobre a análise e soluções da problemática sobre a violência das massas?”, questionou.