O Atlético segue se preparando para o jogo deste domingo (26), contra o Avaí, na Ressacada, em Florianópolis. É a penúltima rodada do Campeonato Brasileiro e o Furacão está de olho numa vaga na Libertadores do ano que vem, ainda mais agora com as vitórias de Grêmio e Flamengo nas partidas de ida da decisão da Libertadores e da semifinal da Sul-Americana, respectivamente.

Antes de comandar o treino desta sexta-feira (24), o técnico Fabiano Soares concedeu entrevista coletiva no CT do Caju e comentou sobre a escalação do time para o duelo contra o Avaí, especialmente sobre o ataque, que foi muito bem contra o Vasco. “Se eu puder manter, logicamente vou manter. Mas dependemos do treino de hoje (sexta-feira) e de amanhã (sábado). Depois decidirei”, revelou o treinador.

Na excelente vitória sobre o Vasco por 3×1, no último domingo (19), o time entrou em campo com Douglas Coutinho, Ederson e Lucas Fernandes na frente e o desempenho foi muito elogiado pelo técnico Fabiano Soares. “Fiquei muito contente com o resultado do jogo e com o que eles fizeram. Mas vou ‘guardar segredo’ até comunicar a eles a escalação para domingo”, comentou Soares, fazendo mistério sobre a escalação.

Atlético pede atenção total no adversário

Outro ponto que Fabiano Soares destacou na coletiva é quanto à situação do adversário deste domingo (26). O Avaí luta para não ser rebaixado, mas isso não interfere em nada na preparação do Atlético. “O jogo é complicado igual aos demais e nos preparamos normalmente. O Avaí não está nessa situação por culpa nossa e nem vai cair por causa desse jogo”, destacou Fabiano Soares.

Uma boa notícia para o jogo contra o Avaí é a volta do volante chileno Pavez, que cumpriu suspensão contra o Vasco e agora está à disposição para encarar o time catarinense.

A delegação segue para Florianópolis neste sábado (25) à tarde, antes ainda faz um último treinamento, pela manhã, no CT do Caju.