Líder do Grupo C da segunda fase, o Atlético tenta se manter na ponta do Campeonato Brasileiro de Aspirantes nesta terça-feira (2), quando enfrenta o Vitória, às 17h, no Barradão. O duelo é um confronto direto por uma vaga na semifinal da competição.

Com seis pontos, o Furacão divide a liderança com o São Paulo, com duas vitórias e uma derrota, mas à frente pelo saldo de gols. No entanto, o rubro-negro baiano é o terceiro, com quatro pontos. Ou seja, uma derrota pode custar até duas posições na tabela.

Na semana passada, os dois times se enfrentaram na Arena da Baixada e o Rubro-Negro levou a melhor, vencendo por 3×0. Para o auxiliar-técnico Eduardo Barros, que substituirá Kelly, que viajou para um evento no Japão, o duelo anterior não pode ser usado como parâmetro e que a equipe precisa entrar concentrada em campo.

+ Mais na Tribuna: Furacão prioriza “mais do que nunca” a Sul-Americana

“Vai ser um jogo como o outro, que apesar do placar um pouco elástico, foi um jogo de detalhes, em que a nossa equipe foi eficiente nas oportunidades que criou. Talvez o Vitória se fortaleça com alguns jogadores da equipe principal. Isso vai requerer uma atenção redobrada da nossa equipe”, disse ele, em entrevista ao site oficial atleticano.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!