O Atlético anunciou nesta sexta-feira (8), em seu site oficial, a extensão de contrato do meia Matheus Rossetto. Um dos destaques do Furacão nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro, o jogador agora tem vínculo com o Furacão até dezembro de 2020.

A alteração não foi tão longa, pois Rossetto já tinha contrato até outubro de 2019. Mas um novo acerto indica não apenas um tempo mais longo de vínculo, mas reajuste salarial, novas cláusulas e principalmente uma nova multa para negociações nacionais e internacionais. Estender com o meio-campista significa, acima de tudo, uma proteção que o Rubro-Negro tem para possíveis assédios sobre o jogador.

Rossetto tem 20 anos e é da nova fornada de jogadores do Atlético. Sem tanto alarde quanto outros da sua “turma” (Otávio, Marcos Guilherme, Marco Damasceno e Juninho, por exemplo), chegou a aparecer em algumas partidas do time sub-23 no Campeonato Paranaense, mas se destacou no empréstimo para a Ferroviária, clube parceiro do Furacão.

Ao voltar, aos poucos ganhou espaço com Paulo Autuori até ser colocado para jogar. Com boa marcação e saída de bola, ele permitiu que o Rubro-Negro tivesse uma nova característica de jogo – Rossetto e Lucho González dão mais suporte às avançadas de Hernani e ao jogo vertical de Lucas Fernandes.

Passando a titular, o meia teve ótima atuação nas duas últimas vitórias do Atlético na Arena da Baixada, o 3×0 contra a Ponte Preta e o 3×1 sobre a Chapecoense, na quarta-feira (5), quando marcou um belo gol, que deu números finais à partida.