Com apenas um treino entre a partida do último sábado – derrota por 1 a 0 para o Fluminense, no Maracanã – e a desta quarta-feira, às 21 horas, contra o Criciúma, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela 20.ª rodada do Campeonato Brasileiro, o técnico do Bahia, Cristóvão Borges, decidiu praticamente repetir a escalação do time. A única alteração é a entrada do volante Rafael Lusa, bastante elogiado pelo treinador, na vaga de Fahel, desgastado pela sequência de jogos.

O treinador considerou a atuação da equipe satisfatória, apesar do resultado, mas admite que o time precisa voltar a vencer após três derrotas consecutivas. “Estamos em um momento adverso, com muitos resultados negativos e os jogadores ficam mais ansiosos porque querem muito sair disso”, comentou. “Nessas horas, a possibilidade de errar aumenta. Então, vamos conservar (o time) para reequilibrar (o lado emocional) e conseguir as vitórias”.

Com 23 pontos, o Bahia ocupa a 13ª posição, apenas quatro à frente do primeiro time na zona de rebaixamento, a Portuguesa.