Depois de várias homenagens em estádios do mundo inteiro, principalmente na Colômbia, um dia após a tragédia em Medellín, e no Couto Pereira, a Chapecoense continua recebendo apoio de vários clubes. Agora é a vez do Barcelona, que convidou o clube catarinense para participar do Joan Gamper em 2017, jogo amistoso realizado no Camp Nou, em agosto, e que serve como uma espécie de abertura da temporada para o time catalão.

“O Barcelona quer prestar homenagem às 71 pessoas que morreram no acidente e às suas famílias. Por isso, vai trabalhar para que o Troféu Joan Gamper de 2017 seja uma grande homenagem do mundo do futebol para todas essas pessoas, através de diferentes iniciativas em torno deste jogo e que serão reveladas como a aproximação da data”, disse o Barcelona, em nota em seu site oficial.

Desde que o acidente aconteceu, o time espanhol vem se mostrando solidário com a Chape. Tanto que no dia que os corpos chegaram à Chape, o Barcelona estava representado por Belletti, ex-jogador e espécie de representante do clube. Além disso, o atacante Neymar chegou ao Camp Nou, no último sábado (3), para o clássico contra o Real Madrid, com a camisa do time catarinense no ombro, além de outras homenagens feitas ao longo dos últimos dias.

O time espanhol também ofereceu apoio no que for preciso para a reestruturação da equipe catarinense. “Com este convite à Chapecoense, o FC Barcelona pretende colaborar com a reconstrução institucional e esportiva do clube, para que este possa recuperar o nível competitivo que havia alcançado”, completa a nota