A diretoria do Barcelona anunciou nesta terça-feira que prolongou a parceria com a Unicef até 2016. O vínculo, iniciado em setembro de 2006, se estenderá até o fim do mandato da atual diretoria do clube catalão, liderada pelo presidente Sandro Rosell.

Pela parceria, o Barcelona se compromete a destinar 1,5 milhão de euros por ano à entidade que é vinculado à ONU. O Fundo das Nações Unidas para a Infância, como é conhecida a Unicef em português, tem por objetivo defender os direitos das crianças ao redor do globo.

“É uma aliança que nos deixa muito satisfeitos”, declarou Toni Freixa, secretário e porta-voz do clube espanhol. Além de destinar parte de sua receita à Unicef, o Barcelona divulga o nome da entidade nas costas do seu uniforme de jogo.

De acordo com o clube, os trabalhos da Unicef na última temporada se concentraram na China, Brasil, África do Sul e Gana. Nestes países, a entidade promoveu a prática esportiva como catalisador do desenvolvimento e da proteção de crianças e jovens.