Um dos destaques do triunfo do Palmeiras por 2 a 1 sobre o Vitória, neste domingo, no Allianz Parque, o atacante Lucas Barrios marcou o 100º do Palmeiras na arena, mas deixou o gramado machucado. Após a partida, ele assegurou que seu problema não é grave, mas será reavaliado pelos médicos.

“Era melhor eu sair mesmo. O doutor me perguntou como eu estava, falei que estava sentindo um pouco a perna e ele achou melhor eu sair para prevenir”, disse o paraguaio, que deixou o gramado com dores no músculo adutor, próximo da região do púbis.

O fato é que, caso a lesão não seja grave, ele tem boas chances de voltar a ser titular. “Se Deus quiser. Ele (Cuca) sabe que estou para ajudar o time e vou esperar minha oportunidade. Foi um gol importante, não só pelos três pontos, mas também por ter feito o 100º gol”, ressaltou.

O atacante Dudu, autor do passe para o gol de Cleiton Xavier, também destacou o bom resultado, que coloca o Palmeiras na liderança do Brasileiro, com 36 pontos, e o fato de ter sido escolhido como capitão. “A gente fica feliz por isso. Mostra que o Cuca tem confiança em mim. Fico feliz por ter ajudado o Palmeiras a ter vencido”, afirmou.

O técnico Cuca negou que Barrios tivesse deixado o gramado irritado ao ser substituído. “Não tem nada disso, vocês estão vendo o que não aconteceu. O Barrios machucou, perguntei o que tinha ocorrido, e ele disse que sentiu um rompimento. É natural que o jogador sinta, peça para sair e você tenha de tirar. Perdemos antes o Leandro. Pusemos o Rafael naquela função. Temos uma semana para ver o que temos de melhor para pegar o Atlético-PR”, disse o treinador.

Em seguida, o paraguaio também negou qualquer problema. “Nenhum jogador fica satisfeito em sair, mas eu senti uma dor e os médicos acharam melhor eu sair. Não tem problema algum”, explicou.

O elenco do Palmeiras folga nesta segunda-feira e a reapresentação acontece na tarde de terça, na Academia de Futebol. O lateral-esquerdo Zé Roberto, suspenso, não poderá enfrentar o Atlético-PR, domingo, às 18h30, na Arena da Baixada, pela primeira rodada do segundo turno do Brasileirão.