O NBB (Novo Basquete Brasil) conheceu nesta terça-feira o seu primeiro finalista da edição de 2016, a oitava da história. Trata-se do Bauru-SP, que fechou a série melhor-de-cinco das semifinais contra o Brasília-DF em 3 a 0 com uma vitória por 85 a 79, no ginásio Panela de Pressão, na cidade paulista de Bauru. Com o resultado, o time vai brigar pelo título e garantiu uma vaga na Liga das Américas de 2017.

No outro lado da chave, Flamengo-RJ enfrenta o Mogi das Cruzes-SP e passa por um enorme aperto. O clube carioca, atual tricampeão da competição, está perdendo a série por 2 a 1 e terá de buscar o empate na cidade da Grande São Paulo neste sábado para forçar a realização do quinto e decisivo duelo, no Rio.

Pelo segundo ano consecutivo o Bauru chega à decisão do NBB. Em 2015, a derrota para o Flamengo foi por 2 a 0 na série melhor-de-três – 91 a 67, em Bauru, e 77 a 67, no Rio. Nas outras edições da competição, o máximo que a equipe do interior paulista tinha chegado era na semifinal de 2013, quando caiu para o Uberlândia-MG.

Em quadra, a partida desta terça-feira foi diferente dos primeiros jogos da série. Houve um equilíbrio, principalmente pelo retorno do armador Fúlvio ao Brasília. Paulinho Boracini foi o cestinha com 22 pontos. Pelo lado da equipe do Distrito Federal, Ronald anotou 19 pontos e agarrou 14 rebotes.