O presidente do Palmeiras, Luiz Gonzaga Belluzzo, viajou nesta sexta-feira aos Emirados Árabes Unidos para negociar pessoalmente a contratação de Valdivia com o Al Ain. O meia chileno, que confirmou a negociação na África do Sul, é uma das apostas do clube para a sequência do Campeonato Brasileiro.

Sem intermediários, Belluzzo espera conseguir negociar 50% dos direitos federativos do jogador por 4 milhões de euros (cerca de R$ 9 milhões), valor que é metade do que foi pago pelo clube árabe ao Palmeiras em 2008. O mandatário tentará ainda uma redução desse montante, além do parcelamento desse valor.

O elenco do Palmeiras deverá ser reforçado também por Daniel Lovinho, que estava emprestado ao Goiás. Após três meses, o clube do Centro-Oeste dispensou o jogador de 21 anos, que havia sido negociado ao lado do atacante William, do meia Deyvid Sacconi e do lateral-direito Wendel.