Beatriz Haddad Maia e Thiago Monteiro comemoraram nesta segunda-feira suas primeiras vitórias na chave principal de Wimbledon. Os dois tenistas, que são namorados, obtiveram boas vitórias no primeiro dia do Grand Slam disputado em Londres.

Para Bia, a vitória teve ainda maior peso por ser a primeira num torneio deste nível. Ela compete pela segunda vez na chave principal de um Slam – caiu na estreia em Roland Garros. Além disso, encerrou um jejum de vitórias no tênis feminino brasileiro, que tinha um triunfo numa chave principal de Slam desde 1989, com Gisele Miró.

“A primeira vitória a gente nunca esquece, é muito especial. Fazia 28 anos que uma brasileira não ganhava uma rodada aqui em Wimbledon. Então, para mim, é uma honra representar o nosso País, lutar e vibrar a cada ponto”, celebrou Bia, que derrotou a local Laura Robson por 6/4 e 6/2.

“Claro que primeiro jogo é sempre mais nervoso, mas eu consegui sacar muito bem, foi minha principal arma hoje. Entrei bem intensa, tentando ser agressiva desde o início. Eu sabia que ela joga muito na quadra de grama, tem um bola pesada, um bom forehand, e eu tentei fazer o que eu tinha que fazer e consegui ganhar”, avaliou.

Depois do triunfo sobre a ex-Top 30, Bia terá pela frente a romena Simona Halep, vice-campeã de Roland Garros e atual número dois do mundo. “A Halep é muito rápida, se defende bem, mas tenho as minhas armas, tenho meu saque e meu forehand que são fortes e tem tudo para ser um bom jogo. Estou muito confiante e feliz.”

Namorado de Bia, Monteiro teve outro motivo para celebrar nesta segunda. Ele venceu pela primeira vez em Wimbledon ao superar o australiano Andrew Whittington por 4/6, 6/3, 7/6 (7/4) e 7/6 (7/5).

“Estava difícil encontrar a devolução no primeiro set, não estava jogando muito para frente como deveria, depois no fim do primeiro set mesmo perdendo comecei a encontrar a maneira correta de jogar”, analisou o brasileiro, que quase perdeu o ritmo durante o jogo por causa da interrupção por chuva. “A parada não foi boa, vinha muito bem, mas consegui manter o foco no retorno. Estou muito feliz com essa minha primeira vitória na grama.”

Na segunda rodada, Monteiro terá um jovem e promissor rival pela frente. Será o russo Karen Khachanov, atual 34º do mundo. “Ele vem subindo, vem bem em boa fase, mas fiz uma boa estreia aqui e vou com tudo para buscar vaga na terceira rodada”, projetou.

BELLUCCI ESTREIA NESTA TERÇA – Número 1 do Brasil, Thomaz Bellucci fará sua estreia nesta terça-feira contra o austríaco Sebastin Ofner, atual 217º do mundo. “Me sinto mais adaptado à grama e espero me impor desde o início para fazer o meu jogo e tentar assegurar a vitória”, disse o brasileiro, que está em Londres sem treinador. Bellucci tem como melhor resultado em Wimbledon a terceira rodada, obtida em 2010.