Yokohama (AE) – Terminado o Mundial, resta à Fifa ainda escolher o jogador de melhor desempenho na competição, o Bola de Ouro. Esta decisão cabe ao Grupo de Estudos Técnicos da entidade, que vai anunciar o nome amanhã. O brasileiro Ronaldo, que já faturou o prêmio Chuteira de Ouro, concedido ao maior artilheiro, está cotado para faturar este também, ao lado de Rivaldo.

Outros destaques da competição, entretanto, já foram anunciados. O goleiro Oliver Kahn, da vice-campeã Alemanha, foi agraciado com o troféu Lev Yashin como o melhor da Copa. A seleção da Bélgica foi a vencedora do troféu “Fair Play”, que é concedido ao time mais leal no torneio. Eliminada pelo Brasil nas oitavas-de-final, recebeu apenas sete cartões amarelos e não teve nenhum jogador expulso.

A seleção da Copa também foi anunciada. Os quatro brasileiros que participavam das últimas listas de indicados se mantiveram na relação final. Os goleiros são Oliver Kahn (Alemanha) e Rustu Recber (Turquia). A defesa é formada por Roberto Carlos (Brasil), Sol Campbell (Inglaterra), Hong Myung-bo (Coréia do Sul), Ozalan Alpay (Turquia) e Fernando Hierro (Espanha). No meio-de-campo foram destacados Rivaldo e Ronaldinho Gaúcho (Brasil), Claudio Reyna (Estados Unidos), Michael Ballack (Alemanha) e Yoo Sang-chul (Coréia do Sul). O ataque com os melhores da Copa reúne Ronaldo (Brasil), El Hadji Diouf (Senegal), Hasan Sas (Turquia) e Miroslav Klose (Alemanha).