Dos 38 vereadores eleitos em Curitiba, na noite do último domingo, nenhum é ‘boleiro’. Os quatro ex-jogadores que se candidataram nas eleições de 2020 acabaram fracassando na capital paranaense.

A principal decepção foi o ex-Athletico Paulo Rink. Nas últimas duas eleições, o ex-jogador havia conseguido se eleger e com números expressivos. Em 2012, faturou 5.625 votos. Já em 2016, acabou se reelegendo com 5.607 votos. Já neste ano, Paulo Rink recebeu 1.607 votos.

>> Confira a lista completa de vereadores eleitos

Outro ex-Athletico que também estava na lista de candidatos e se frustrou foi Adriano Gabiru. O ex-atleta, que estava filiado ao PMB, fez apenas 283 votos na capital paranaense. Foi a primeira vez que Gabiru se candidatou.

Adriano Gabiru teve poucos votos. Foto: Arquivo.

Principal ídolo da história do Paraná, Saulo, o Tigre da Vila, foi outro que não conseguiu se candidatar. Foram 526 votos conquistados pelo maior artilheiro do Tricolor.

Saulo, o Tigre da Vila, conquistou 526 votos. Foto: Arquivo.

O representante da torcida do Coritiba foi o ex-atacante Jetson, que ficou marcado no clube no início da década de 90. Candidato pelo PSD, o ex-Coxa faturou 927 votos dos curitibanos e também acabou ficando de fora da Câmara de Vereadores da capital.

Jetson fez história pelo Coritiba no início dos anos 90. Foto: Arquivo.

+ Mais das eleições 2020:

+ Curitiba tem o maior número de abstenções da história
+ Quem é a vereadora mais votada de Curitiba


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?