La Paz – O Paraguai perdeu a oportunidade de assumir a liderança das Eliminatórias, ao ser derrotado pela até então lanterna Bolívia, por 2 a 1, ontem, nos 3.600 metros de altitude de La Paz. Detalhe: os bolivianos passaram a maior parte do segundo tempo com um jogador a menos, depois da expulsão do zagueiro Peña.

O técnico Ramiro Blacut, que entrou no lugar de Nelson Acosta, estreou bem no comando da Bolívia. Com o resultado, a seleção boliviana chegou aos 6 pontos e deixou a última posição; o Paraguai permanece com 10.

O meia boliviano Luis Cristaldo, destaque da partida, abriu o placar logo aos 8?. Aos 32, o artilheiro paraguaio José Cardoso empatou. O gol que definiu a vitória da Bolívia foi anotado pelo volante Róger Suárez, aos 26 do segundo tempo.

O técnico paraguaio, Aníbal Ruiz, reconheceu que sua equipe caiu diante da Bolívia não por causa da altitude, mas sim, por ter sido superada em campo. Admitiu que o Paraguai cometeu erros táticos que não poderão se repetir em Buenos Aires.