O Boston Celtics venceu o Cleveland Cavaliers por 94 a 85, em casa, na noite da última quinta-feira, e se garantiu na final da Conferência Leste da NBA. O resultado eliminou a equipe de melhor campanha da fase regular da competição e fechou a série melhor de sete do confronto em 4 a 2.

Agora, o Boston terá pela frente o Orlando Magic, que garantiu o seu lugar na decisão com quatro vitórias em quatro duelos com o Atlanta Hawks.

A vitória do Boston também deu férias ao astro LeBron James, eleito o jogador mais valioso da temporada. Mesmo apático e sem vibração em quadra, ele teve uma boa atuação nesta quinta-feira. Foi o cestinha do confronto, com 27 pontos, e ainda colaborou com dez assistências e 19 rebotes, um recorde pessoal na sua carreira em playoffs.

Porém, a melhor atuação coletiva do Boston fez a diferença. Kevin Garnett, com 22 pontos e 12 rebotes, e Rajon Rondo, com 21 pontos e 12 assistências, lideraram a equipe rumo à decisão. Paul Pierce e Rasheed Wallace, por sua vez, fizeram 13 pontos cada um.

Já o brasileiro Anderson Varejão atuou por mais de 26 minutos e pouco conseguiu ajudar o Cleveland, pois fez apenas seis pontos e apanhou sete rebotes.

No duelo desta quinta-feira, o Boston voltou a mostrar muita força na defesa e só foi pior do que o Cleveland no segundo quarto, que terminou em 51 a 49 para a equipe da casa. Porém, depois de fechar o terceiro quarto com uma vantagem de 76 a 67, o Boston administrou a vantagem no derradeiro período, que acabou empatado em 18 a 18, fato que configurou o placar final de 94 a 85.

As finais de conferência da NBA começam no próximo domingo com o confronto entre Orlando Magic e Boston Celtics, em Orlando. No dia seguinte, Los Angeles Lakers e Phoenix Suns, em Los Angeles, abrem a decisão do Oeste.