Com dois gols ainda no primeiro tempo, o Botafogo voltou a vencer e encostou no líder Bahia na Série B do Campeonato Brasileiro. Em confronto direto na briga pelo acesso, o time carioca superou o Vitória, por 2 a 0, na tarde deste sábado, no Engenhão, no Rio de Janeiro. A partida foi válida pela quarta rodada da competição.

Com este resultado, os alvinegros continuam invictos, com dez pontos conquistados. Vice-líder, o time perde para o líder Bahia apenas no saldo de gols: 7 a 6. Por outro lado, o clube baiano estacionou nos seis pontos, em posição intermediária, e perde a chance de encostar nos líderes.

O Botafogo precisou de pouco mais de 20 minutos para liquidar a partida. O primeiro gol aconteceu logo aos quatro minutos. O meia Daniel Carvalho cobrou escanteio da esquerda, o goleiro Fernando Miguel saiu mal e o zagueiro Diego Giaretta cabeceou para o gol livre.

Apesar da vantagem no placar, o time carioca continuou a ocupar o campo de ataque nos minutos seguintes. Até que aos 21 minutos chegou ao segundo gol. O lateral Thiago Carleto deu um belo lançamento do meio-campo. O volante Willian Arão dominou bonito, já tirando do goleiro, e apenas empurrou para as redes.

Na segunda etapa, o Vitória teve mais posse de bola, mas as melhores chances foram dos donos da casa. A melhor delas aconteceu aos 32 minutos. O atacante Rodrigo Pimpão desviou uma bola de cabeça, no travessão, e no rebote o meia Élvis mandou por cima do gol.

Na próxima terça-feira, às 21h50, o Botafogo volta a campo para enfrentar o Paraná, no Estádio Durival de Britto, em Curitiba (PR). Enquanto isso, o Vitória busca a reabilitação contra o Criciúma, no mesmo dia, às 19h30, no Barradão, em Salvador.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 2 X 0 VITÓRIA

BOTAFOGO – Jefferson; Gilberto, Renan Fonseca, Diego Giaretta e Thiago Carleto (Luís Ricardo); Marcelo Mattos, Willian Arão, Daniel Carvalho (Fernandes) e Elvis (Diego Jardel); Rodrigo Pimpão e Bill. Técnico – René Simões.

VITÓRIA – Fernando Miguel; Diogo Mateus, Ednei e Ramon; Diego Renan, Amaral, Flávio, Pedro Ken (Vander) e Rhayner (David); Rogério (Léo Ceará) e Elton. Técnico – Wesley Carvalho.

GOLS – Diego Giaretta, aos 4, e Willians Arão, aos 21 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO – Vinicius Furlan (SP).

CARTÕES AMARELOS – Daniel Carvalho (Botafogo); Flávio, Pedro Ken e Rhayner (Vitória).

RENDA – R$ 282.490,00.

PÚBLICO – 10.039 torcedores.

LOCAL – Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ).