O Botafogo tenta retomar neste sábado a vice-liderança do Campeonato Brasileiro. Precisa para isso derrotar o Grêmio, às 18h30, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela 26.ª rodada. O técnico do time carioca, Oswaldo de Oliveira, contava com a volta do atacante Elias. O atleta chegou a participar de parte do treino desta sexta-feira, no campo anexo ao Engenhão, mas ainda não está bem fisicamente depois de um período afastado por contusão. Deve atuar somente na rodada seguinte.

O Grêmio está em segundo lugar, com 45 pontos, e o Botafogo, em terceiro com 43. O time alvinegro mira a classificação para a Copa Libertadores e tem de se reabilitar no Brasileirão para não ver a sua posição ameaçada. Quanto à disputa do título da competição, os cariocas já demonstram menos confiança.

O meia Marcelo Mattos declarou que o mais importante é garantir a vaga para a Libertadores. Até três rodadas atrás, o Botafogo calculava obter nove pontos nos confrontos contra Bahia, Ponte Preta e Fluminense – três jogos realizados no Rio de Janeiro. Só conseguiu um, no empate com o rival tricolor.

Para Oswaldo de Oliveira, o time tem de reencontrar o equilíbrio e ele considera o jogo deste sábado ideal para essa retomada. Ele disse que o atacante Barcos, uma das forças do Grêmio, não deve ter nenhuma marcação especial.

O treinador do Botafogo, em conversa com o grupo, pediu que os jogadores não se deixem abalar por eventuais manifestações da torcida, irritada com os últimos resultados e que passou a “pegar no pé” de Seedorf, exposto sem nenhum critério a uma maratona de jogos este ano.