Rio de Janeiro – Botafogo e Paysandu medirão forças hoje, às 16h, na Ilha do Governador, pela 18.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Alvinegro vem de duas derrotas consecutivas e tentará a recuperação justamente contra o lanterna da competição.

O treinador Péricles Chamusca enfrenta uma série de problemas para escalar o time carioca. Durante a semana, o comandante alvinegro perdeu o volante Túlio, negociado para o futebol japonês. Depois, ganhou outro desfalque, porém temporário: Jonílson levou o terceiro cartão amarelo na derrota de 2 a 0 para o Paraná e está fora do duelo deste fim de semana.

Desta forma, o meio-de-campo terá Leandro Carvalho e Juca como responsáveis pela proteção à zaga. No complemento do setor, Chamusca prefere aguardar para definir, pois ainda não adiantou se manterá o sistema 3-5-2 ou adotará o 4-4-2, com dois meias. Neste caso, Caio e Ramon poderão ser os escolhidos.

Mas as indefinições não param por aí. Sem César Prates, afastado para resolver sua transferência para o Bordeaux, o técnico poderá usar Oziel na lateral direita, fazendo estrear o zagueiro Asprilla, deslocado para a esquerda. Caso contrário, Rogério Souza entraria na equipe, passando Oziel para o lado oposto. Já no ataque, Guilherme e Reinaldo disputam vaga.

Sobre a partida, Chamusca quer os jogadores absolutamente concentrados no adversário e exige seriedade. ?Com certeza. Aqui, a cobrança é diária. O Brasileiro é uma competição equilibrada. Temos um grupo capaz de brigar por boas colocações?, afirmou.

Pelo Papão, último colocado com apenas 13 pontos, a maior novidade foi a confirmação de Róbson, um dos artilheiros da competição, com 11 gols. O Robgol foi julgado ontem por sua expulsão contra o Internacional, no último dia 24, e pegou uma partida de suspensão. Como já cumpriu no empate com o Atlético-MG, está confirmado para sábado.

Por outro lado, o técnico Gilson Kleina não poderá contar com Alex Pinho. O zagueiro também foi julgado nesta sexta e acabou punido por dois jogos pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva).

Ficha técnica

Botafogo – Max, Oziel (Rogério Souza), Scheidt, Rafael Marques e Asprilla (Oziel); Leandro Carvalho, Juca, Caio (Juninho) e Ramon; Alex Alves e Guilherme (Reinaldo). Técnico: Péricles Chamusca. Paysandu – Alexandre Favaro, Marco Aurélio, João Carlos, Silvio e Leandro; Vânderson, Alemão, Rodrigo e Donizete Amorim; Éder Ceccon e Róbson. Técnico: Gilson Kleina. Árbitro: Carlos Eugênio Simon (RS/FIFA). Assistentes: Altemir Hausmann (RS/FIFA) e José Javel Silveira (RS). Local: Luso-Brasileiro, Rio de Janeiro. Horário: 16h.