O Brasil passeou diante de El Salvador e bateu o adversário por 5×0 na noite desta terça-feira (11), no Estádio FedEx Field, em Washington. Foi o segundo amistoso da seleção no Estados Unidos. Na sexta-feira (7) a equipe venceu os anfitriões por 2×0.

Os compromissos marcaram o recomeço do trabalho do técnico Tite na seleção brasileira, com olhos na Copa do Mundo do Catar. Os próximos amistosos da seleção são na Arábia Saudita, em outubro. O Brasil pega os donos da casa no dia 12 e enfrenta a Argentina no dia 16.

+ Leia mais: Nas redes sociais, Matheus Anjos anuncia saída do Atlético

O jogo mal havia começado e o Brasil já abriu o placar. Domínguez fez pênalti em Richarlison e o capitão Neymar chamou a responsabilidade da cobrança. E converteu: 1×0 pro Brasil.

Com domínio total da disputa e mantendo as ações totalmente concentradas na área adversária, não demorou pra sair o segundo. Depois de jogada rápida, a bola sobrou pela esquerda pra Richarlison, que soltou uma bomba no canto esquerdo do goleiro Hernández, na estreia do atacante como titular.

+ Também na Tribuna: Coritiba terá reencontro com Dagoberto

O terceiro gol saiu de uma jogada pela esquerda. Aos 29 minutos, Coutinho chutou de frente, da entrada da área, sem chances para o goleiro adversário.

No segundo tempo, Richarlison marcou mais um aos cinco minutos da etapa final. Depois da sobra de Philippe Coutinho, o camisa 9 do Brasil chutou firme, desta vez de perna esquerda, sem chance pro arqueiro.

O zagueiro Marquinhos fechou a fatura de cabeça após cobrança de escanteio, aos 44 minutos da etapa final, decretando a goleada por 5×0.

+ Leia ainda: Paraná Clube pode contar vitórias de 2018 nos dedos

O Brasil começou jogando com Neto; Éder Militão, Marquinhos, Dedé e Alex Sandro; Douglas Costa, Casemiro, Arthur e Philippe Coutinho; Neymar e Richarlison. Para a segunda etapa, Tite deu passagem a Fred no lugar de Casemiro e a Felipe, na vaga de Dedé. Depois, Everton entrou no lugar de Philippe Coutinho, Lucas Paquetá na vaga de Richarlison e Douglas Costa deu passagem a Willian. Na sequência, foi a vez de Andreas Pereira ser testado no lugar de Arthur.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!