A seleção brasileira feminina de basquete conquistou, na noite de quinta-feira (29), o título do 31º Campeonato Sul-Americano da modalidade. Na final, a equipe comandada por Paulo Bassul superou a Argentina por 84 a 67, fechando invicta a campanha de seis jogos na competição.

A conquista é a 22ª do Brasil no campeonato, e a 12ª de forma consecutiva. "O time entrou para ganhar o título Sul-Americano. Sentimos em alguns momentos da partida, mas não deixamos a vitória escapar. Essa conquista é a primeira marca desse grupo que está chegando para trazer muitas alegrias", disse Karla, cestinha da seleção na partida, com 20 pontos.

"É o início da nossa luta pela vaga olímpica. Estamos mais motivadas e vamos fazer melhor ainda em Madri para garantir o Brasil em Pequim", acrescentou a ala Chuca, um dos destaques da competição.

Para o técnico Paulo Bassul, o torneio foi importante para dar experiência internacional às jogadoras recém.

Foi muito importante para a equipe participar do Sul-Americano. O time é bem mesclado, com jogadoras experientes que chegaram sem ritmo e já estão bem agora, e outras recém-chegadas na seleção, que ganharam confiança internacional.

A seleção retorna ao País no sábado e embarca no mesmo dia para Madri, onde disputará entre 9 e 15 de junho o torneio Pré-Olímpico, que dá cinco vagas para os Jogos de Pequim.