Rio – O departamento de seleções da CBF confirmou, na manhã de ontem, o amistoso entre Alemanha e Brasil no dia 8 de setembro. O local ainda não foi definido, mas a partida poderá ocorrer em Berlim ou Dusseldorf.

Na última sexta-feira, porém, o jornal Bild, um dos principais da Alemanha, antecipou a data e noticiou que o encontro marcaria a reinauguração do Estádio Olímpico de Munique, em reforma para receber as partidas da Copa de 2006. Será o primeiro jogo entre as seleções após a final da Copa do Mundo, vencida pelo time verde-amarelo por 2 a 0, gols de Ronaldinho. A partida vai ser disputada três dias após o confronto do Brasil contra a Bolívia, pelas eliminatórias para o mundial de 2006.

Hungria, o próximo

O próximo compromisso da seleção será no dia 28 de abril contra a Hungria, em Budapeste. Depois desta partida, o Brasil enfrenta a França, em 20 de maio no Estádio Saint-Dennis, no jogo festivo do centenário da Fifa. Cinco dias depois, os comandados de Carlos Alberto Parreira terão pela frente a seleção da Catalunha, na Espanha.

Somente depois dos três amistosos, o Brasil retorna suas atenções para as eliminatórias. Em 2 de junho, é a vez de encarar o clássico contra a Argentina, no Mineirão. Entre o período do fim de maio e início de junho, os jogadores do Brasil ficarão aproximadamente 20 dias reunidos. Com isso Parreira terá tempo para corrigir a falta de entrosamento do time, fator que, segundo o próprio treinador, atrapalhou no empate sem gols com o Paraguai na última quarta-feira.