A seleção brasileira masculina de vôlei voltou a ter uma apresentação irregular na Liga Mundial, mas derrotou a Coreia do Sul por 3 sets a 1 e segue na liderança do Grupo A, agora com 25 pontos. E foi a importância de seguir na dianteira da chave que foi exaltada por Vissotto.

“Foi um ótimo jogo e fundamental termos conquistado os seis pontos na Coreia. Vamos chegar na Bulgária com mais ritmo de jogo, e a tendência é melhorar ainda mais para estas próximas duas partidas que valem a classificação para afinal”, afirmou Vissotto, maior pontuador do jogo, com 24 pontos.

Já Murilo avaliou que a Coreia do Sul, que perdeu todas as partidas que disputou na atual edição da Liga Mundial, dificultou o triunfo brasileiro. “Foi um jogo difícil hoje, porque a equipe da Coreia jogou melhor do jogo de ontem”, disse.

A seleção brasileira volta a jogar nos dias 8 e 9 de julho contra a Bulgária, na cidade de Varna, em confronto direto pela liderança do Grupo A da Liga Mundial. A fase final do torneio será disputada na cidade de Córdoba, na Argentina, entre os dias 21 e 25 de julho.