O Brasil-RS conquistou uma importante vitória nesta sexta-feira, fora de casa, em partida que abriu a 19.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Em um momento difícil na competição, o time de Pelotas reagiu e venceu o Criciúma por 2 a 1, no estádio Heriberto Hulse.

Com o resultado, o Brasil-RS chegou aos 24 pontos e se afastou momentaneamente da zona do rebaixamento, embora ainda esteja em situação perigosa na Série B. E o Criciúma, com dois pontos a mais, desperdiçou boa chance de se aproximar dos primeiros colocados – em quarto, o Ceará soma 28.

Jogando em casa, o time catarinense foi mais ofensivo desde o início, mas não conseguiu movimentar o placar. Além de boas defesas do goleiro Marcelo Pitol, o Brasil-RS viu a trave “salvar” duas bolas finalizadas por Silvinho, primeiro em cobrança de falta e depois em um batida da entrada da área.

Na única chance clara que teve, aos 31 minutos, o Brasil-RS mostrou eficiência e abriu o placar. Em rápido contra-ataque, Marcinho tabelou com Lincom e bateu para o gol. Luiz defendeu e, no rebote, o próprio Lincom acertou bom chute no ângulo.

Na segunda etapa, a situação se repetiu. O Criciúma partiu para o ataque, mas, aos nove minutos, Marcinho puxou contra-ataque e encontrou o lateral Éder Sciola livre para tocar na saída do goleiro e ampliar o marcador para o Brasil-RS.

Após o gol, o Criciúma se tornou ainda mais ofensivo e conseguiu descontar aos 22 minutos: Douglas Moreira cruzou da esquerda e o zagueiro Teco desviou para trás, marcando contra. A reação, contudo, parou aí. E o Brasil-RS conseguiu segurar o resultado até o apito final.

O Criciúma volta a campo na próxima terça-feira, quando enfrenta o Santa Cruz no Arruda, em Recife, pela 20.ª rodada da Série B, abrindo o returno. Na sexta-feira, dia 11 de agosto, o Brasil-RS recebe o Guarani no estádio Bento Freitas.

FICHA TÉCNICA:

CRICIÚMA 1 X 2 BRASIL-RS

CRICIÚMA – Luiz; Diogo Mateus, Nino, Edson Borges e Márcio Goiano; Jonatan Lima (Erick Flores), Ricardinho e Douglas Moreira; Caio Rangel (Fabinho Alves, depois Alex Maranhão), Lucão e Silvinho. Técnico: Luiz Carlos Winck.

BRASIL DE PELOTAS – Marcelo Pitol; Éder Sciola, Leandro Camilo, Teco e Breno; Leandro Leite, João Afonso (Ednei) e Itaqui (Nem); Marcinho, Lincom (Misael) e Juninho. Técnico: Clemer.

GOL – Lincom, aos 31 minutos do primeiro tempo; Éder Sciola, aos nove, e Teco, contra, aos 22 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Francisco Carlos do Nascimento (AL).

CARTÕES AMARELOS – Jonatan Lima e Edson Borges (Criciúma); Leandro Leite e Marcinho (Brasil-RS).

RENDA – R$ 55.750,00.

PÚBICO – 2.287 pessoas.

LOCAL – Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma (SC).