Os brasileiros fizeram bonito na 19.ª edição do Isa Games, a maior competição de surfe amador do planeta, realizada em Durban, na África do Sul. O evento reuniu,durante dez dias, 600 competidores de 34 países. Com ondas perfeitas de 2 metros, a seleção brasileira fez cinco das sete finais possíveis e conquistou o terceiro lugar geral no ranking por equipes, ficando atrás dos australianos e dos donos da casa, que levaram o caneco.

Entre os brazucas o destaque ficou por conta de Jihad Khodr e Bruno Moreira. Eles fizeram a dobradinha brasileira e garantiram vaga na final da principal categoria do evento.

Depois de uma bateria muito disputada, o local Travis Logie ficou com o lugar mais alto do pódio, seguido pelo australiano Mark Bannister. Jihad Khodr, de apenas 18 anos, encerrou o campeonato como o terceiro melhor surfista amador do mundo. Bruno foi o quarto colocado.

Agora Jihad (Canfield/Quiksilver/Drop Shoes) – que é o mais novo surfista profissional da elite brasileira – vai aproveitar a folga no calendário de competições para dar um treino em Jeffreys Bay, na África do Sul. De lá, ele segue no próximo domingo para Maldivas, onde disputa o WQS, divisão de acesso a elite do surfe mundial.