Não foi com a mesma facilidade do amistoso da semana passada, mas a seleção brasileira masculina de basquete voltou a vencer o Canadá nesta quarta-feira. Desta vez foi pelo Torneio Pré-Olímpico, por 69 a 57, resultado que mantém o Brasil invicto na sua busca à classificação para os Jogos de Londres, no ano que vem. Na estreia, o time de Ruben Magnano já havia vencido a Venezuela. A equipe brasileira folga na rodada desta quinta.

O grande nome do Brasil no jogo desta quarta-feira em Mar del Plata foi o armador Marcelinho Huertas, responsável por 17 pontos, seis assistências e cinco rebotes. Foi graças a ele que o time brasileiro evitou uma derrota, uma vez que peças importantes como Tiago Splitter e Marquinhos não foram bem.

O pivô do San Antonio Spurs marcou somente cinco pontos, enquanto Marquinhos anotou apenas três – mesmo número de erros. E ambos ficaram cerca de 30 dos possíveis 40 minutos em quadra. Alex, com 13 pontos, Guilherme Giovannoni e Marcelinho Machado, ambos com 12, também estiveram em destaque.

A principal deficiência da equipe, porém, foi na defesa. O time brasileiro permitiu de sete rebotes ofensivos. No ataque, o Brasil pegou apenas três. Na linha do lance livre, um aproveitamento também medíocre: 10 acertos em 17 arremessos.

Ao fim do primeiro quarto, o Brasil perdia por 17 a 12, resultado que conseguiu reverter num bom segundo quarto, em que venceu por 21 a 11, indo para o intervalo com cinco pontos de vantagem. O cenário se repetiu na segunda etapa. Primeiro, uma derrota por 18 a 14. Depois, no último quarto, tranquilos 22 a 11, principalmente pelos erros ofensivos do Canadá.