Daiane, estrelíssima da ginástica
brasileira, está, novamente,
na final da prova de solo.

Rio – A brasileira Daiane dos Santos está mesmo atravessando a melhor fase de sua carreira. Com uma apresentação perfeita, a gauchinha entusiasmou os torcedores que compareceram ao Riocentro para assistir ao primeiro dia da Copa do Mundo de ginástica artística. Nos exercícios de solo, Daiane mostrou sua nova coreografia, ao som da música Brasileirinho, de Waldyr Azevedo, e recebeu nota 9,675, garantindo vaga na final com o primeiro lugar. Ainda no solo, a paranaense Camila Comin se classificou em quarto (8,963).

Mas o dia também foi excelente para o restante da equipe brasileira. A maior parte da equipe, tanto no masculino quanto no feminino conseguiram classificação para as finais, que acontecem hoje e amanhã, no Riocentro.

Nas assimétricas, Daniele Hypólito e Camila Comin empataram em primeiro com nota 9,337, e têm ótimas chances de medalha de ouro na final de hoje. As duas também estarão nas finais da trave.

Diego Hypólito terminou em primeiro lugar no salto sobre o cavalo (9,512). O irmão de Daniele também garantiu presença na final do solo, ficando em 3.º . A primeira posição ficou com o americano Morgan Hamm .

Daiane dos Santos e Daniele Hypólito conseguiram bom desempenho no salto sobre o cavalo e ficaram entre as oito finalistas.

Campeã mundial no aparelho, Oksana Chusovitina (Uzbequistão) foi a primeira colocada, com 9,425. A final está marcada para as 9h30 de hoje.

No cavalo com alças, Mosiah Rodrigues ficou em oitavo lugar (9,125), assegurando a última vaga para a final.

Nas argolas, Michel Conceição ficou em oitavo e também vai estar na final de hoje. Diego, Mosiah e Michel tentam uma inédita medalha masculina para o Brasil na Copa do Mundo.