É na cidade épica de Santa Cruz de La Sierra, departamento de Santa Cruz, na Bolícia, que acontece neste final de semana a terceira etapa do Campeonato Sul-americano de Rali de Velocidade. Fundada em 1561 por Ñuflo de Chaves, que nomeou o novo povoado em homenagem à Santa Cruz de la Sierra, sua cidade natal da Estremadura, Espanha, hoje a cidade é a maior da Bolívia com quase 2 milhões de habitantes, uma história e cultura muito ricas e que remetem a um passado nostálgico.

Neste clima, mais de 50 carros vão alinhar no grid de largada para a corrida que começa na manhã deste sábado e segue até o domingo. No total, serão 11 especiais (trechos cronometrados em estradas de terra por passa a prova”, e 150 quilômetros de prova cronometrada. Entre as duplas (piloto e navegador) que alinharão para buscar a vitória na cidade considerada o “motor econômico da Bolívia”, estão vários brasileiros.

Na categoria mais forte, onde os carros tem tração 4×4 e motor turbo, com quase 300 HPs de potência, está a dupla gaúcha Juliano Sartori e Rafael Sartori, da equipe Bitshop Rally (Bitshop/Abadia Competições/Prodiet Amostra). A equipe chegou ainda na quarta-feira em Santa Cruz e desde quinta faz os trabalhos de reconhecimento das especiais e a preparação final do Mitsubishi Lancer, para a corrida.