O volante Bruno Guimarães foi convocado pela primeira vez para a seleção brasileira. Não para a principal, mas o jogador do Athletico está na lista da seleção olímpica, que disputará amistosos contra Venezuela e Japão, nos dias 10 e 14 de outubro, em Recife. Os duelos serão preparatórios para o torneio que dará duas vagas para os países sul-americanos para as Olimpíadas de 2020, no Japão.

Aos 21 anos, o atleta foi um dos grandes nomes do Furacão na conquista do título da Copa do Brasil, diante do Internacional. Foi dele, inclusive, o gol da vitória por 1×0 no jogo de ida, na Arena da Baixada. Inclusive, seu nome era especulado até para o time principal do Brasil. Porém, como é visto como um dos potenciais titulares no pré-olímpico, já será testado pelo técnico André Jardine.

“É um atleta que a gente acompanha há bastante tempo, queríamos trazê-los antes, mas não foi possível. Agora essa convocação premia o momento dele. É um dos atletas convocados pela primeira vez e é motivo de orgulho, para ele e para nós também. Estamos fazendo justiça com isso e o conheço bem, conheço sua trajetória. Ele fez por merecer esta convocação”, explicou o treinador.

Bruno Guimarães chegou ao Rubro-Negro em 2017. No ano passado, foi titular do time de aspirantes na conquista do Campeonato Paranaense e em seguida virou opção no grupo principal. Porém, se firmou apenas após o técnico Tiago Nunes ter assumido o comando do time. Desde então, vem se tornando ídolo do torcedor.

Na festa do título nacional, o volante foi um dos mais ovacionados pelos atleticanos, além de, em muitos momentos, ter comandado a galera em cima do trio elétrico.

Sub-17

Além de Bruno Guimarães, e do goleiro Santos, chamado por Tite para a seleção principal, outros dois nomes foram convocados para vestir a camisa do Brasil. O zagueiro Lucas Patrick, do Athletico, e o lateral-direito Yan, do Coritiba, fazem parte da lista dos jogadores que defenderão o país no Mundial sub-17, que acontecerá entre outubro e novembro, aqui no Brasil.

Confira os convocados para a seleção olímpica:

Goleiros:

Cleiton (Atlético-MG)
Daniel Fuzato (Roma-ITA)
Ivan (Ponte Preta)

Laterais:

Emerson (Betis-ESP)
Guga (Atlético-MG)
Caio Henrique (Fluminense)
Felipe Jonathan (Santos)

Zagueiros:

Bruno Fucks (Internacioanl)
Ibañez (AtalantaiITA)
Luiz Felipe (Lazio-ITA)
Lyanco (Torino-ITA)

Meias:

Allan (Fluminense)
Douglas Luiz (Aston Villa-ING)
Bruno Guimarães (Athletico)
Mauro Júnior (Heracles Almelo-HOL)
Pedrinho (Corinthians)
Wendel (Sporting-POR)

Atacantes:

Antony (São Paulo)
Malcom (Zenit-RUS)
Matheus Cunha (Red Bull Leipzig-RUS)
Paulinho (Bayer Leverkusen-ALE)
Pedro (Fioretina-ITA)
Rodrygo (Real Madrid-ESP)