Depois de marcar os gols da vitória do Santos sobre o Bahia neste domingo, por 3 a 0, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro, Bruno Henrique preferiu dividir os méritos do triunfo com os companheiros. “Eu fiz os gols, mas todo nosso time jogou bem. Ninguém ganha sozinho”, disse o atacante. Seus três gols neste domingo, aliás, foram os primeiros pela competição.

O meia Lucas Lima, que voltou a ter uma grande atuação e participou diretamente da jogada do segundo gol, quando passou por dois jogadores até a bola chegar nos pés de Bruno Henrique, elogiou o artilheiro do domingo: ele “se movimenta bastante e abre espaços para a gente tocar ou até mesmo tentar a jogada”.

O goleiro Vanderlei também ganhou elogios por suas boas defesas, assim como todo o sistema defensivo, que completou quatro jogos sem sofrer gols. “Toda a defesa está jogando bem e a nossa marcação está funcionando como tem sido treinado”, contou o meia.

A preocupação agora, segundo ele, é com o jogo diante do Flamengo, quarta, na Vila Belmiro, pelo jogo da volta das quartas-de-final da Copa do Brasil. E a missão não será fácil: descontar os 2 a 0 sofridos no Rio de Janeiro. “Será um jogo diferente, porque é matar ou morrer. Temos que marcar três gols e tomar cuidado para não levar nenhum”, completou Lucas Lima.