Respaldado pela diretoria e contando ainda com a confiança da maior parte da torcida, Caio Júnior mostrou ontem sua força ao cobrar explicações de Martinez, que reclamou de ser substituído contra o Bragantino. Acuado diante dos colegas, o jogador pediu desculpas ao treinador.

A atitude agradou aos diretores do clube, que apostam em um ?trabalho de médio prazo?, sem se importar com a série de cinco jogos sem vitória no Paulistão. Amanhã, o time estréia na Copa do Brasil, contra o Operário, em Cuiabá (MT)

?Jogador não tem nenhum direito de reclamar da parte técnica ou tática da equipe. Isso é um ponto básico na minha filosofia de trabalho?, disse Caio Jr., aos jornalistas. ?Por isso, fui falar com o Martinez, e ele teve a hombridade de pedir desculpas na frente do grupo. Às vezes isso até fortalece o elenco?, emendou o treinador

A reclamação de Martinez foi por ter sido sacado aos 28 minutos do 1.º tempo, quando o Palmeiras perdia por 1 a 0 do Bragantino. ?Respeito, mas não concordo com a atitude do treinador?, disse Martinez. ?Ele devia ter tirado um volante de marcação, não eu.

Caio Jr. já havia cobrado o jogador no sábado, no vestiário. Mas, depois de ver as declarações de Martinez na imprensa, resolveu ser mais duro com o meio-campista. ?Do mesmo jeito que não responsabilizo jogador por erro individual, é preciso respeito com o treinador?, disse Caio. ?É por isso que a responsabilidade dos resultados é 100% minha.?