A principal luta do Nocaute as Drogas, dia 10 de novembro em Curitiba, é do atual campeão mundial de boxe Giovanni Andrade com 76 lutas e 51 nocautes, que encara o argentino Lasevero, na categoria Supergalo. A participação do dono do cinturão terá grande prestígio pois será dele o depoimento mais emocionante do evento, que traz ações de conscientização sobre os perigos das drogas com exibição de vídeos de orientação em uma mega estrutura, distribuição de cartilhas educativas e apresentações musicais direcionadas à causa.

O lutador é um exemplo de superação. Nascido no sertão da Bahia se tornou mendigo em São Paulo e se interessou pelo esporte para se defender nas ruas; mas vestiu as luvas da coragem e hoje é reconhecido mundialmente através do boxe. O Nocaute as Drogas é organizado pelo Movimento Curitiba Te Quero Sem Drogas e Força Jovem e vai reunir diversas lutas amadoras e profissionais de diferentes categorias de artes marciais às 14h do dia 10 de novembro no Ginásio do Rexona (Av. Vitor Ferreira do Amaral, 1.749, Tarumã).

O evento conta com a parceria de academias, da Prefeitura de Curitba e da Frente Parlamentar Contra o Crack e Outras Drogas da Câmara Municipal, que será representada pelo presidente do colegiado, vereador Valdemir Soares (PRB) que há mais de vinte anos trabalha com conscientização sobre os malefícios do uso de entorpecentes e articula iniciativas que fomentem as práticas saudáveis entre os jovens. Para ele o esporte e a cultura são ferramentas para estimular nos adolescentes a disciplina, o espírito competitivo, de maneira que se desviem da marginalidade através da interação entres eles.