Melhor em campo no Maracanã, o goleiro do Palmeiras, Diego Cavalieri, disse que não receberia com surpresa uma eventual convocação para a seleção brasileira – o técnico Dunga anuncia na terça-feira no Rio lista de 22 atletas para amistoso do Brasil com a Argélia, na França.

Caio Júnior o apontou como um dos principais responsáveis pelo bom resultado. O anfitrião Renato Gaúcho também. Mesmo feliz por ter evitado o empate no pênalti, Diego ficou com algumas dúvidas a respeito da decisão do árbitro Leonardo Gaciba. Diego esteve presente em pelo menos outros três momentos difíceis para o Palmeiras, todos no segundo tempo. Chegou a defender uma cabeçada certeira de Cícero, logo na primeira conclusão do meia tricolor, que acabara de entrar na vaga de Carlinhos.

O Palmeiras volta a campo na quarta-feira para enfrentar o Internacional. O volante Pierre, expulso no domingo, não joga.