Rio de Janeiro – Com o objetivo de aumentar o interesse dos torcedores e premiar o maior número possível de clubes, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) alterou os critérios de classificação para a Copa Sul-Americana de 2006. Até 2004, asseguravam uma vaga, além do campeão do Campeonato Brasileiro, as equipes que ficassem entre o quinto e o nono lugares do torneio nacional. Agora, o benefício será extensivo ao 10.º e ao 11.º colocados.

O que possibilitou a mudança, para que o Brasileiro passe a premiar metade de seus 22 participantes – os 4 primeiros já vão para a Libertadores -, foi uma autorização da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), que deixará de classificar dois clubes brasileiros pelo ranking que é elaborado por ela. Assim, os 8 representantes do País sairão do Campeonato Brasileiro.