A Confederação Brasileira de Tênis (CBT) anunciou nesta sexta-feira que Bauru será a sede do confronto entre Brasil e Uruguai, de 7 a 9 de maio, pelo Zonal Americano da Copa Davis. A cidade do interior paulista venceu a concorrência com São Paulo e Blumenau e foi escolhida para receber o evento.

Os jogos entre Brasil e Uruguai serão disputados em quadra de saibro, ao ar livre, no Bauru Tênis Clube. E a expectativa é de que o local tenha capacidade para receber entre três e quatro mil torcedores. O investimento para a realização do evento, no entanto, não foi revelado.

Cidade com cerca de 350 mil habitantes, Bauru fica a 345 quilômetros de São Paulo. “É incrível que Bauru nunca tenha tido um evento como esse. Outras cidades menores já tiveram privilégio de receber a Davis e também esperamos desenvolver o esporte por lá”, disse o presidente do CBT, Jorge Lacerda.

São Paulo saiu da disputa para sediar o evento porque não haveria tempo hábil para construir a quadra no Sambódromo, como queria a prefeitura. E Blumenau foi preterida por ficar no nível do mar, o que desagradava o principal tenista brasileiro, Thomaz Bellucci – Bauru tem cerca de 500 metros de altitude.

O confronto com o Uruguai irá marcar a estreia do novo capitão da equipe brasileira na Copa Davis, João Zwetsch, que também é o técnico de Bellucci. Se vencer, o Brasil se classifica para a repescagem do Grupo Mundial, em setembro, quando poderá voltar à divisão de elite do torneio.