Mais uma vez o softbol paranaense (beisebol feminino) conquistou título nacional, em memorável campanha desenvolvida na cidade de Ibiúna, São Paulo, onde foi disputado pelas melhores equipes do País o IV Torneio Início de Softbol Interclubes, pela posse da "Taça Tiemi Yajima".

A façanha, desta feita, foi das meninas do Central Glória, de Curitiba, que não só abiscoitou a medalha e o troféu de ouro, como também várias de suas jovens jogadoras ficaram entre as melhores do torneio. A disputa foi pela categoria mirim, fato muito comemorado pelos paranaenses – "pois – afirmou Ossami Fukuda, dirigente da Federação Paranaense – nos mostrou que temos um grande potencial e várias revelações que poderão dar continuidade à força do softbol do nosso Estado".

O dirigente do beisebol e softbol paranaense declarou, também, que foram várias as atletas que se destacaram na competição. Duas delas foram soberanas: Daniele Nishiura, eleita por unanimidade dos participantes, como melhor rebatedora, melhor arremessadora e melhor jogadora, além de Manami Calixto, escolhida como atleta mais eficiente e esforçada", explicou.

As melhores do Paraná

Ao final de cada torneio os participantes se reúnem para escolher e homenagear os melhores. Nesta Taça Tiemi Yajima, o representante paranaense, equipe do Central Glória, foi agraciado com várias escolhas. Dentre elas: Daniela Nishimura, melhor rebatedora, melhor arremessadora e melhor jogadora; Jenifer Miyashita, 3.ª melhor rebatedora e receptora destaque; Raqueli Bianco, melhor empurradora de carreira; Fabrícia Silva, melhor 1.ª base; Érika Ivanaga, melhor jardineira central; Manami Calixto, atleta mais eficiente e esforçada; Alessandra Veiga e Sayuri Inagaki, atletas destaques; Lana Mara Calixto, técnica campeã.

Resultados

Para chegar ao título e ganhar a IV Taça Tiemi Yajima, a equipe do Central Glória venceu todos os seus compromissos.

Outra equipe curitibana, o Nikkei Curitiba, também participou da competição. Confira todos os resultados.

Fase seletiva

Chave "A" – Coopercotia 12×2 Universo, Tozan 14×7 Nikkei Curitiba, Coopercotia 7×2 Tozan, e Nikkei Curitiba 10×0 Universo.

Chave "B" – Gigante 15×0 Santo André, Gigante 46×0 Dragons, e Santo

André 17×7 Dragons.

Chave "C" – Central Glória 15×1 Atibaia, Atibaia 12×9 Nipon Blue Jays, e Central Glória 14×4 Nipon Blue Jays.

Chave "D" – Guarulhos 18×3 Nikkei/Santo Amaro, Marília 10×8 Guarulhos, e Marília 19×3 Nikkei/Santo Amaro.

Final (Chave Ouro) – Gigante 1×0 Marília, Central Glória 9×8 Coopercotia, Marília 7×8 Coopercotia (3.º e 4.º lugares), e Central Glória 13×9 Gigante (1.º e 2.º lugares).

Chave Prata – Santo André 7×5 Guarulhos, Tozan 9×1 Santo André, e Guarulhos 4×0 Tozan.

Chave Bronze – Atibaia 7×5 Nipon Blue Jays, Nipon Blue Jays 4×3 Nikkei/Curitiba, e Atibaia 4×2 Nikkei/Curitiba.