O volante Charles deu um susto na comissão técnica do Palmeiras durante o treino desta terça-feira na Academia de Futebol. Durante uma atividade tática, com a presença de três times em campo, o jogador recebeu uma pancada na coxa esquerda, reclamou de muitas dores, mas terminou o treinamento normalmente.

Charles ficou alguns minutos no chão e foi atendido pelo médico Vinícius Martins antes de deixar o gramado. Mas logo demonstrou que havia sido apenas um susto e, com isso, não deverá ser problema para o técnico Gilson Kleina no confronto diante do Tijuana, na próxima terça-feira, no Pacaembu, que pode colocar o Palmeiras nas quartas de final da Libertadores.

Sem jogos até lá, Kleina comandou um treino leve. Enquanto os jogadores participavam da atividade, o meia Patrick Vieira, que não atua desde o dia 2 de abril por conta de um problema na coxa esquerda, correu em volta do gramado. Ele deve ficar mais dez dias afastado e está descartado diante do Tijuana.

Outro lesionado é o volante Léo Gago, que passará por uma cirurgia no tornozelo direito ainda nesta terça, ficará pelo menos três meses afastado e será desfalque inclusive no início da Série B do Campeonato Brasileiro. O elenco palmeirense realiza mais um treino na parte da tarde, mas esse sem a presença da imprensa.